Receitas: Sobre melhorar a alimentação e Como fazer uma salada perfeita colorida e meu molho de mostarda e mel

salada5Hoje em dia graças a Deus as pessoas estão se conscientizando mais sobre comer bem, estão entendendo melhor os benefícios de uma alimentação equilibrada e rica em fibras, proteínas e carboidratos de baixo índice glicêmico.

Aquele mito de que comer bem e saudável é caro está se tornando cada vez menos verdadeiro, hoje em dia é possível sim comer saudável por um preço acessível.

Vou ser bem honesta com vocês: Eu não sou muito fã de verduras! #prontofalei

Mas de uns anos para cá tenho perdido essa bronca das verdinhas, e tentado acrescentar cada vez mais na minha rotina verduras e legumes, ainda não cheguei num nível de maturidade gastronômica de comer abacate picadinho no meio da salada, mas já entendi que é possível sim fazer saladas que ficam com um sabor gostoso e não aquele gosto que parece que você está mastigando um pacotinho de chá-mate, e sim é possível se alimentar de saladas sem estar morrendo de fome dali 1 hora.

Há meios para conseguir esse efeito, e testei vários, e ainda tenho muitos a testar.

Obviamente quando estou com fome não me vem a mente um prato enorme de salada, estaria mentindo se dissesse isso e esse não é o intuito desse blog. Eu sou apenas uma pessoa tentando comer cada vez mais saudável e sem que seja uma coisa forçada ou porque estou de dieta, e sim porque esse é meu estilo de vida.

A dieta é uma coisa passageira, você come salada por 1 mês e perde 8 quilos, ai volta a comer normalmente e engorda 10. Não acho isso certo.

Esalada4u levei anos para chegar no que estou hoje e certamente não espero perder tudo da noite para o dia, e gostaria que as mudanças fossem permanentes, comer uma salada gostosa não porque estou de dieta mas porque aprendi gostar e entendi a importância dela na minha alimentação.

Quando falamos em salada pensamos automaticamente em salada de alface e tomate, esse é o ABC do brasileiro.

Mas uma salada pode ser muito mais complexa do que isso, e substituir muito bem o nosso arroz com feijão, não que a gente deva parar com o arroz e feijão de cada dia, mas uma dose extra de fibras pra mim cai muito bem, meu intestino é super preguiçoso e iogurtes não fazem tanto efeito em mim.

Ás vezes quando eu jaquei no final de semana, eu procuro pegar leve na segunda feira e almoço uma salada ou alguma coisa leve. Na verdade essa salada é o que eu jantei na segunda feira passada, porque só o almoço leve não foi suficiente para apagar a culpa de ter comido pedaços generosos daquela de sobremesa no final de semana. Não me importo de ser o tipo de garota que come sobremesa, não estou preparando meu corpo para ter 5% de gordura e não busco ser musa fitness. Quero ser saudável e comer um pedaço de bolo de chocolate ou de pizza em paz de vez em quando. Afinal essa cobrança de aparência é só em cima das mulheres, e eu acho isso uó. Acho que as pessoas deviam estar mais preocupadas em serem saudáveis do que em seguirem os padrões de beleza distorcidos nos dias de hoje.

Bom se você assim como eu está tentando ser mais saudável dá uma olhada nessa sugestão de salada.

Salada colorida

Tempo de preparo: 10 minutos

Tempo de cozimento: 30 minutos

Rendimento: 4 porções

Ingredientes

1 cenoura ralada

1 pepino

1/4 de um pé de Alface

1/2 pé de Espinafre

1/4 de repolho

1 lata de milho

1 caixinha de tomates cereja

2 colheres de lâminas de amêndoas (opcional)

1 batata grande

1 colher de chá de azeite

Modo de preparo

salada1Olha salada é uma coisa que você pode fazer um monte e deixar em um pote grande na geladeira, ou já separado em potinhos na porção e ir comendo ao longo da semana. Essa quantidade acima deu para duas pessoas comerem bem na janta e ainda sobrou pro meu almoço no dia seguinte.

Eu não gosto muito de batata cozida no meio da salada, então eu fiz o seguinte descasquei a batata e cortei em palitos e coloquei pra assar com um fio de azeite no forno, sal e pimenta branca moida.

A salada eu coloquei a cenoura e o pepino em rodelas, ai coloquei as folhas de alface e as folhas de espinafre lavadas, eu coloquei as folhas inteiras, porque a alface era americana de folhas pequenas e a folha do espinafre é pequena, mas caso você use outro tipo pique as folhas com as mãos para não oxidar as verduras com a faca, piquei o repolho (eu queria o roxo para dar contraste de cor mas só tinha o verde) e acrescentei na tigela, coloquei a lata de milho inteira porque gostamos bastante de milho, coloquei os tomates cereja e misturei tudo.

salada2Por ultimo torrei as laminas de amêndoas e joguei por cima gosto de fazer um contraste de texturas e cores nos meus pratos.

Teste as batatas com um garfo se estiverem moles e douradinhas estão prontas. Geralmente até eu acabar de fazer tudo é o tempo ideal da batata assar, e nesse dia assei os nuggets de frango também então enquanto eu lavava a louça, colocava a mesa e tomava banho tudo ficou assando bonitinho no forno.

A salada foi servida com a batata assada no azeite, e com a minha receita de nuggets saudáveis que você encontra aqui.

Você também pode servir essa salada com bife de carne bovina, atum, um filé de frango grelhado, pedaços de mussarela de búfala ou com uma omelete, enfim é só variar na proteína que essa salada vira um verdadeiro coringa para se ter na geladeira.salada3 Nunca esqueça da proteína ela que dá a saciedade por mais tempo. Os ingredientes da salada podem variar de acordo com a estação e o que tem disponível no seu supermercado, o importante é usar o máximo de cores diferentes possíveis para garantir que você está ingerindo diferentes tipos de vitaminas e minerais deixando sua salada mais nutritiva. Se gostar pode colocar até frutas como morango e manga picadinhas. Se não for estação de espinafre coloque rúcula, faça uns legumes no vapor como brócolis e couve flor ao invés da batata assada.

Quanto ao molho, eu geralmente vejo por ai o básico uso de azeite, limão, e sal. Ou algum tipo de molho pronto sem sódio de baixa calorias. Faça do seu gosto, acho que molho de salada é uma coisa bem pessoal. Meu favorito por exemplo é de mostarda e mel porque eu acho que o docinho desse molho corta um pouco do amargo das verduras, que é uma das coisas que menos gosto nas verdinhas, mas que com esse molho fica mais agradável para o meu paladar porque corta o amargo.

Meu molho de mostarda e melmolho

1 colher de sopa de mostarda (de preferencia dijon se não tiver pode ser a amarela mesmo)

1 colher de sopa de maionese light

1 colher de sopa de mel

1/2 colher de chá de azeite

1 pitada de sal

Misture tudo até a consistência ficar homogênea e está pronta. Você pode colocar mais mostarda se quiser um molho mais ácido, se quiser mais doce coloque mais mel, se quiser mais suave coloque mais maionese. Pode também colocar umas gotinhas de limão ou de vinagre de maça. Adapte ao seu paladar. E se gostar de molho mais ralo na salada é só colocar uma colher de água para diluir.

Bom apetite!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s