10 dicas para aprender guardar dinheiro e ainda ter pequenos luxos

Se tem um ditado popular que é muito verdadeiro, é aquele que diz: “Tudo que é bom custa caro!”.

dindinHoje as pessoas estão conseguindo alcançar níveis melhores de estudo, posições de carreira mais altas mais jovens, mas a real é que se você não souber lidar com dinheiro, isso não fará diferença na sua vida, porque você vai chegar num ponto em que ficará estagnado.

Sempre haverá um novo restaurante para ir, ou um crossfit/academia melhor, uma promoção de roupa e sapato para experimentar….

Não sou nenhuma especialista financeira, mas ao longo dos meus anos eu consegui coisas materiais e viagens que só foram possíveis graças ao meu sexto sentido com meus gastos.

Então aqui vão as dicas:

Dica 01: Pague seus débitos acima de tudo

dividaNão dever pra ninguém, além de ser uma sensação incrível, te permite com o dinheiro extra fazer escolhas melhores com seus gastos. Então se possível dê uma segurada nos primeiros 2-3 meses do ano, e pague seu IPTU, IPVA, multas, gastos extras que teve no cartão de crédito no final de ano, use seu décimo terceiro e organize todas essas contas extra que tem no começo do ano. Sim talvez você terá que fazer sacrifícios nesses primeiros meses do ano, para conseguir ter o suficiente para quitar tudo, mas ao longo do ano é a melhor decisão.

Dica 02: Tenha um valor fixo para poupar

Faça as contas e veja dentro do seu orçamento mensal quanto seria um valor que você poderia guardar que não faria falta. Um valor confortável de 50 reais? 100 reais? Se você puder colocar uma programação fixa para todo mês no dia 10 (por exemplo) ser feita uma transferência automática de 100 reais para sua conta-poupança do banco X. Primeiro que isso se tornará tão automático que você não vai nem sentir falta do dinheiro, e segunda que é bom esquecer e depois de meses olhar o saldo e ter uma feliz surpresa de que aos poucos você está conseguindo juntar uma grana legal. Essa grana pode servir tanto para coisas como aquela viagem especial, sua festa de casamento, trocar de carro, ou para ficar lá como um seguro para tempos difíceis.

Dica 03: Tenha mais de uma conta

Eu pessoalmente tenho conta em 3 bancos, uso de verdade 2 delas, porque a terceira é da empresa, então divido da seguinte maneira: Em um banco eu uso apenas a poupança, um dinheiro que eu não mexo nem morta, só em caso de vida ou morte mesmo, o que não acontece a anos. O objetivo dessa poupança é um dia juntar o suficiente nela para viver de juros ou complementar a aposentaria hahahaha por enquanto este é um sonho distante, mas quem não começa nunca vai chegar em lugar nenhum mesmo. E sim devemos pensar na aposentaria antes dos 30. No segundo banco, eu uso a conta corrente para meus gastos do dia a dia, pagar contas e etc, e a conta poupança para objetivos a curto prazo, tipo juntar x reais para uma viagem, ou juntar x reais esse ano para comprar tal coisa. Tenha contas diferentes para objetivos diferentes. Isso ajuda demais a visualizar quanto você realmente tem para cada coisa.

Dica 04: Tenha um valor fixo semanal para gastos

uncf-san-francisco-bridgeAprender a gastar com sabedoria é mais importante do que guardar, porque é como você gasta que vai permitir que você guarde cada vez mais, e que sobre cada vez mais para o que importa. Então digamos que você depois de pagar todas suas contas fixas pode se dar ao luxo de 200 reais por semana de gastos, com esses 200 reais você precisa pagar seu transporte (uber ou combustível), também precisa encaixar ai todos os deliveries que você pede na semana, o barzinho da sexta e a baladinha do sábado. Pode ser que você não queira abrir mão de prazeres imediatos para guardar uma grana, mas pode ser que você comece a fazer uma caminhadas para economizar o uber, aprenda a cozinhar ou comer mais o que tem casa ao invés de pedir Ifood 4 vezes na semana, que você prefira chamar os amigos pra beber em casa (cada um trazendo as bebidas e um petisquinho pra não sobrar tudo pra você claro). Te garanto que uma caminhada de meia hora, e comer um misto quente ao invés de pedir japa, não vai fazer falta nenhuma quando você tiver grana guardada o suficiente para ir naquela viagem que você tanto quer Á VISTA!

Dica 05: Não gaste mais do que você tem

Simples assim, se no final do mês você está pedindo dinheiro emprestado, e pagando o minimo do cartão de crédito, isso é ruim, muito ruim. Corte gastos e conserte essa situação. Não pague pela vida que você não pode ter.

Dica 06: Tente não gastar dinheiro durante a semana

tvEu sei é difícil, desde o almoço fora, até o trident depois do almoço, a coca-cola no meio da tarde, ou um docinho tão necessário depois do almoço, a real é que é muito fácil se perder em pequenos gastos diários, que ao final da semana e do mês representam uma boa fatia de onde deixamos nossa grana. Comprometa-se a levar seu almoço, ou não gastar mais de X por dia no por quilo, compre trident no mercado e deixe na bolsa é bem mais barato, você não precisa beber refrigerante e comer doce todo dia, a sua saúde agradece essa economia. Ficar em casa uns dias comendo pipoca e vendo netflix, é o que vai te permitir a ter uma grana sobrando, você não precisa do combo cinema+pipoca toda semana. A diferença está nas pequenas mudanças.

Dica 07: Organize as compras grandes

Uma vez ao ano eu renovo o guarda roupa, compro ai umas 10 peças novas e me desfaço de umas 20 velhas, ao longo do ano você compra uma blusinha aqui e ali, mas assim uma grande quantidade de roupas de uma vez eu faço isso uma vez ao ano. Quando termino de pagar (parcelo ai em 3 vezes essa compra) eu avalio qual minha próxima grande aquisição, as vezes pode ser sua batedeira kitchenaid, ou uma geladeira nova, um sofá novo, mas nunca faça outra grande compra antes de terminar de pagar a primeira. Para que as coisas não se acumulem. E não compre nada caro por impulso, aquela bolsa linda caríssima que você bateu o olho e se apaixonou, vai pra casa e pensa ai por umas 24h se você realmente precisa dela…

Dica 08: Permita-se os pequenos luxos

joEu amo velas aromáticas, é muito terapêutico pra mim sentar na minha poltrona, na minha biblioteca e acender uma vela, e ficar ali curtindo o momento. Mas uma boa vela custa ai seu dinheirinho. Também gosto de dar uma volta no shopping e dar uma passadinha na Starbucks. Você pode  se permitir esses pequenos gastos, desde que você saiba que não é toda visita ao shopping que você vai tomar um starbucks, não é todo mês que você vai poder comprar uma vela da Jo Malone, mas olha de vez em quando sim, é possível.

Dica 09: Não compre só porque está na promoção

Uma blusa de 50 reais que você comprou na promoção e nunca usou, é mais cara do que aquela de 200 reais que você usa toda semana. O quanto usamos as coisas é que nos dizem o valor que elas realmente tem. Dividir o quanto aquilo custou, pela quantidade de vezes que usamos é que realmente nos diz se a compra valeu a pena. Comprar só para ter não é inteligente, se você passar a comprar só o que ama, e só o que realmente usa você irá economizar muito mais do que se comprar porque estava barato e nunca usar.

Dica 10: Reverifique seus gastos de tempos em tempos

Costumamos cair numa zona de conforto e voltamos a inserir pequenos gastos desnecessários por puro auto mimo, hoje eu vou almoçar fora porque eu estou trabalhando muito e mereço, hoje eu vou me dar essa bolsa cara porque eu estou indo para o último semestre da faculdade/MBA/pós-graduação, hoje estou de TPM, amanhã eu não dormi bem, depois de amanhã é porque está chovendo, e depois de amanhã porque está sol. Não deixe as desculpas consumirem seu dinheiro, de tempos em tempos, dê uma reavaliada no seu orçamento para ver se andou fazendo concessões demais ou se está seguindo seu plano. Siga o plano ele dá certo.

Dica Bônus: Cartão de Crédito não é um vilão

creditoUm cartão de crédito com um limite alto pode ser uma tentação e tanto, mas se você usar de forma inteligente ele será seu melhor amigo. Quanto você tem na sua reserva de emergência é o quanto você não deve ultrapassar dos seus gastos no cartão. Se você tem 5 mil na reserva de emergência, esse é o valor total que você pode ter acumulado de gastos no seu cartão. As vezes as pessoas perdem o valor acumulado de vista porque vão parcelando tudo em 10 vezes. Mas se você for demitido amanhã, você precisa quitar esse cartão, e não pode estar devendo mais do que tem guardado, ou isso vai virar uma bola de neve. Esse é um dos principais motivos para as pessoas se endividarem,  perdem o emprego, não tem dinheiro para pagar o cartão, vão pagar o mínimo, não tem reserva de emergência, precisam do dinheiro do acerto pra sobreviver até arrumar outro trabalho, e assim vai. Se você tiver o suficiente na poupança de emergência para não ficar com dividas, já é um grandeeee passo, o que vier de acerto trabalhista, auxilio desemprego e etc será suficiente para você se manter até encontrar outro trabalho, agora se você estiver endividado isso pode se complicar muito, e não adianta depois dizer que o cartão de crédito é que é vilão. Aprenda a usá-lo! Só gaste o que você tem!

Espero que tenham gostado das dicas, e vamos gastar com sabedoria 🙂

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s